segunda-feira, 27 de novembro de 2017

ATIVIDADE DE INTERNACIONALIZAÇÃO PROMOVE INTERAÇÃO DOS MESTRADOS COM AS LICENCIATURAS DA UNIARP



Estimulando a internacionalização, a UNIARP realizou nesta sexta-feira, 24 de novembro, o Seminário Internacional de Práticas Pedagógicas Inovadoras. O evento foi organizado pelo Programa de Mestrado Profissional em Educação Básica e constituiu uma das atividades da disciplina de Práticas Pedagógicas do Ensino Fundamental.

Contando com o com apoio da Coordenadoria de Pós-Graduação, da Coordenadoria de Extensão, Cultural e Relações Comunitárias e dos Cursos de Letras e Pedagogia, o evento possibilitou a interação de estudantes, docentes e gestores do Programa Profissional em Educação Básica, do Programa Acadêmico em Desenvolvimento e Sociedade e dos Cursos de Licenciatura da UNIARP com a palestrante Dra. Maria Antonia Pujol Maura, professora honorífica da Universidade de Barcelona. 

Além de apresentar a estrutura educacional da Espanha e detalhar mudanças na legislação, a palestrante discutiu a necessidade de aproximar as práticas pedagógicas das demandas da realidade atual, estimulando uma educação que articule currículo e realidade a aproxime teoria e prática. Como exemplo, destacou o trabalho que vem sendo realizado por meio da proposta das Escolas Criativas, uma iniciativa que tem origem no Grupo de Pesquisa e Assessoramento Didático (GIAD), do qual a palestrante faz parte, e tem se capilarizado no contexto brasileiro, em função de um trabalho de parceria que vem sendo realizado com a contribuição de gestores, docentes e pesquisadores da Educação Básica e do Ensino Superior de vários países da Europa e América Latina.







domingo, 26 de novembro de 2017

V JORNADA INTERNACIONAL DAS ESCOLAS CRIATIVAS



Nesta última quarta-feira, 22 de novembro (2017), foi realizada no Unibave a V Jornada Internacional das Escolas Craitivas, um evento que teve como objetivo promover espaços para a interação entre profissionais de instituições da Educação Básica e do Ensino Superior, estudantes de Cursos de Licenciatura e Programas de Mestrado Profissional, visando a valorização de experiências pedagógicas inovadoras, desenvolvidas no contexto brasileiro e internacional. Além da palestra realizada pela professora Maria Antonia Pujol Maura, da Universidade de Barcelona, e das mesas redondas, o evento oportunizou, no decorrer do Círculo de Diálogos entre a Educação Básica e o Ensino Superior, a socialização de vinte projetos pedagógicos inovadores que vêm sendo desenvolvidos nas regiões sul, leste, norte e oeste de Santa Catarina. O evento foi organizado pelo Núcleo de Inovação Pedagógica – NIP do Unibave e pela RIEC-Unibave, com apoio dos Cursos de Licenciatura em Pedagogia e Educação Física da instituição, das Secretarias de Educação de Massaranduba, Paulo Lopes, Santa Rosa de Lima e São Ludgero, bem como do Instituto Crescer, projeto de extensão da Univali, do Instituto Federal de Santa Catarina – IFSC – Câmpus São José, do Programa de Mestrado em Educação Básica da Universidade Alto Vale do  Rio do Peixe – UNIARP e do Programa de em Ensino de Ciências Naturais e Matemática da Universidade Regional de Blumenau – FURB. Para Marlene Zwierewicz, que atualmente coordena a Rede Internacional de Escolas Criativas – RIEC, juntamente com Saturnino de la Torre, professor que atuou na Universidade de Barcelona e estimulou a proposta das Escolas Criativas, o evento oportunizou a interação entre profissionais comprometidos com uma educação transformadora, capaz de articular currículo e realidade e aproximar teoria e prática.




PROGRAMAS DE MESTRADO OPORTUNIZAM DIÁLOGO COM PROFESSORA DA UNIVERSIDADE DE BARCELONA



Com o objetivo de ampliar os conhecimentos dos estudantes dos Programas de Mestrado do UNIARP, foi organizado um diálogo com a professora honorífica, Dra. Maria Antonia Pujol Maura, da Universidade de Barcelona – UB (Espanha). A atividade foi realizada na abertura da disciplina de Práticas Pedagógicas do Ensino Fundamental e foi organizada pelos professores Ezequiel Theodoro da Silva, Ludimar Pegoraro e Marlene Zwierewicz, estimulando que os mestrandos pudessem confrontar a realidade educacional brasileira com contextos internacionais. Além do Mestrado Profissional, participaram da atividade os estudantes do Mestrado Acadêmico em Sociedade e Desenvolvimento, favorecendo a interação entre os dois programas. Entre outros assuntos, a professora sistematizou a estrutura do sistema educacional da Espanha, detalhando aspectos referentes à Educação Básica, bem como ao Ensino Superior, atendendo, dessa forma, as expectativas dos dois programas. 

A vinda da profissional da Espanha contou com a mediação da professora do Mestrado Profissional, Marlene Zwierewicz, já que a mesma vem, desde 2007, interagindo com pesquisadores do Grupo de Pesquisa e Assessoramento Didático – GIAD da UB, do qual a Dra. Pujol faz parte.  Entre as atividades realizadas em parceria com o Grupo GIAD, destaca-se a criação da Rede Internacional de Escolas Criativas – RIEC, que reúne profissionais de vários países comprometidos com uma educação transformadora.













sábado, 19 de agosto de 2017

DOSSIÊ SOBRE MESTRADO PROFISSIONAL - PRECIOSIDADE


Uma excelente reflexão sobre diferentes aspectos do Mestrado Profissional.
Referência obrigatória.



V. 33, N. 63 (2017)

Dossiê - Mestrado Profissional e formação de professores:
experiências, desafios e perspectivas para a Educação Básica

SUMÁRIO

Editorial
Cláudio de Sá Machado Jr., Ângelo Ricardo de Souza

DOSSIÊ TEMÁTICO
Apresentação
Claudia Madruga Cunha, Flávia Vieira

Mestrados Profissionais em Educação: novas perspectivas da pós-graduação no cenário brasileiro
Nadia Hage Fialho, Tânia Maria Hetkowski

Mestrado Profissional em Educação: reflexões acerca de uma experiência de formação à luz da autonomia e da profissionalidade docente
Marília Andrade Torales Campos, Ettiène Guérios

La formación de educadores ambientales en México: avances y perspectivas
Édgar J. González-Gaudiano, Miguel Ángel Arias-Ortega

La pedagogía de casos como estrategia catalizadora del cambio hacía la autonomía del alumno y del profesor en la formación inicial del profesorado de secundaria
Manuel Jiménez Raya

Formação pós-graduada de professores: construindo uma pedagogia da experiência, rumo a uma educação mais democrática
Flávia Vieira

O lugar da pesquisa no Mestrado Profissional em Educação
Marli André, Lisandra Princepe

Mestrado Profissional em Educação: Teoria e Prática de Ensino - qualificação dos processos de educar na pesquisa da Educação Básica
Claudia Madruga Cunha, Neila Tonin Agranionih

Desafios e possibilidades na formação de professores – em torno da análise de relatórios de estágio
Ana Isabel Andrade, Filomena Martins

DEMANDA CONTÍNUA
Limites e possibilidades da formação inicial para o desenvolvimento de práticas docentes autônomas
Mônica Vasconcellos, Mariana Lima Vilela

Currículos socioemocionais, habilidades do século XXI e o investimento econômico na educação: as novas políticas curriculares em exame
Rodrigo Saballa de Carvalho, Roberto Rafael Dias da Silva

Educação infantil em tempo integral: em busca de uma philia social
Vania Carvalho de Araújo

A interculturalidade em Educação Patrimonial: desafios e contributos para o ensino de História
Helena Pinto

Avaliação das capacidades de leitura
Suzana dos Santos Gomes

Políticas educacionais e juventude rural no Ensino Superior
Ezequiel Redin

Trezentos: a dimensão humana do método
Thaís Branquinho Oliveira Fragelli, Ricardo Ramos Fragelli

Programa Um Computador por Aluno (PROUCA): uma análise bibliométrica
Wagner Bandeira Andriola, Carlos Adriano Santos Gomes

DOCUMENTOS
Memorial acadêmico para Professor Titular
Carlos Eduardo Vieira

RESENHAS
Pedagogias do século XXI
Jocilene Gordiano Lima Tomaz Pereira, Douglas Ortiz Hamermüller

O ensino de matemática no curso primário no Brasil (1890-1970): as leis, os periódicos e a didatização do conhecimento
Claudemir de Quadros


                                     ACESSO - http://revistas.ufpr.br/educar/issue/view/2115 

quinta-feira, 17 de agosto de 2017

Programa de Mestrado Profissional em Educação Básica inicia atividades do Programa de Formação-Ação em Escolas Criativas na 10ª ADR - Caçador


Com o objetivo de contribuir para o desenvolvimento da educação da região de inserção da Universidade Alto Vale do Rio do Peixe – UNIARP, o Programa de Mestrado Profissional em Educação Básica realizou, no dia 28 de agosto do corrente ano, uma oficina envolvendo os gestores e docentes da Rede Municipal de Ensino de  Timbó Grande, um dos municípios que pertencem a 10ª ADR - Caçador. A atividade integra o Programa de Formação-Ação em Escolas Criativas, desenvolvido em vários municípios de Santa Catarina desde o ano de 2009, a partir da interação da professora do Programa de Mestrado da UNIARP, Marlene Zwierewicz, com o Grupo de Pesquisa e Assessoramento Didático – GIAD, da Universidade de Barcelona – UB (Espanha).

O referido programa recebe o apoio das Redes Internacionais de Escolas Criativas (RIEC e RIEC Brasil) e converge com seu objetivo no sentido de colaborar para a  identificação, potencialização e difusão de instituições educativas que desenvolvam práticas de ensino, pesquisa e formação criativas, transdisciplinares e ecoformadoras, em âmbito nacional e internacional, visando a valorização de inciativas que apoiem a religação dos saberes, a formação integral e a consciência planetária.

 O programa  estimula o desenvolvimento de uma educação inovadora, capaz de promover a articulação entre currículo e realidade e entre a teoria e a prática,  auxiliando na dinamização de processos de ensino e de aprendizagem inter e transdisciplinares. No caso específico da oficina realizada em Timbó Grande, a atividade foi planejada pelos professores Ezequiel Theodor da Silva (Coordenador do Programa de Mestrado Profissional em Educação Básica), Ludimar Pegoraro (Coordenador do Mestrado Acadêmico em Desenvolvimento e Sociedade) e pela professora Marlene, priorizando a necessidade de utilização dos resultados dos processos avaliativos no planejamento das instituições de ensino. Por isso, foram trabalhadas sugestões para a elaboração de questões avaliativas contextualizadas, além da realização de uma pesquisa para conhecer a percepção de docentes sobre as possibilidades de criar um processo de autoavaliação institucional.

A iniciativa contou com a colaboração do Secretário de Educação, José Guedes Martiol , e das mestrandas do Programa de Mestrado Profissional em Educação Básica, Helena Castilho Zielinski e Erenita Hoffmann, que atuam na rede municipal, estreitando a relação entre Ensino Superior e Educação Básica na perspectiva de buscar subsídios para ampliar a qualidade da educação da região, além de estimular e valorizar práticas pedagógicas inovadoras.









sábado, 22 de julho de 2017

1ª QUALIFICAÇÃO DO MESTRADO PROFISSIONAL - VIVA!!!


Banca examinadora

Orientador: Prof. Dr.  Joel Haroldo Baade 
Titular externo: Prof. Dr. José Francisco dos Santos 
Suplente externo: Profa. Dra. Mareli Eliane Graupe 
Titular Interno: Profa. Dra. Circe Mara Marques 
Suplente Interno: Prof. Dr. Ludimar Pegoraro

Memória